Gorges de Carança (Circular)

Gorges de Carança
Gorges de Carança

Bosque, lago de montanha e cimeira agrestes, o vale pirenaico de Carança está bem dotado de atractivos naturais, ainda que o maior de todos é seu isolamento, defendido por abaixo pelas gargantas do rio, e por acima pela corrente montanhosa.

Desde França, o acesso pelo rio forçou-se mediante cornisas escavadas na rocha, passarela e ponte colgantes. O visitante percorre facilmente este parque de atrações natural, onde põe a prova seu domínio do medo às alturas, enquanto, baixo seus pés, o rio se abre passo entre as paredes de rocha.

Convenientemente situado a quatro horas do povo, o refúgio de Carança é pequeno e enche-se facilmente quando o asedian os excursionistas, mas os que ficam fora têm a possibilidade de dormir baixo teto alugando uma loja de campanha.

Lhes Gorges de Carança podem-se fazer em rota circular, o problema é que é francamente mau indicado. Quando nós fizemos esta rota nos encontramos no mínimo 3 casais perdidos.

Com esta explicação pretendemos dar um pouco de luz a todos aqueles que queiram fazer a rota circular de lhes Gorges de Carança.

Junho 2009
lugar
Lugar
Núm. de estapas
Dia
Longitud
Longitude
Desnivel Positivo
Desnivel Desnivel Positivo
Desnivel Negativo
Desnivel Desnivel Negativo
Dificultad
Dificuldade
Tipo de ruta
Tipo rota
França 1 16 Km. 300 m. 300 m. Média Recorrido Circular
Junho 2009
lugar
Lugar
Núm. de estapas
Dia
Longitud
Longitude
França 1 16 Km.
Desnivel Positivo
Desnivel Desnivel Positivo
Desnivel Negativo
Desnivel Desnivel Negativo
Dificultad
Dificuldade
Tipo de ruta
Tipo rota
300 m. 300 m. Média Recorrido Circular